29 janeiro 2007

Auto das Virtudes Invertidas

POST Nº 38

Sou de bom trato. Educado. Civilizado. Avesso a atritos, discussões, confusões.
Mas perante a inusitada gravidade do que aqui escrevi na última 5ª Feira, no último post, tinha que tomar uma atitude. E assim, alguns dias depois, tenho para vos dizer que...

SIM!! Eu também sei baixar o nível, armar barraca, pôr o chinelo no chão, lavar roupa suja, fazer peixeirada, mandar perdigotos e fazer um escabeche, daqueles que tresandam a tasca impregnada de vícios e vísceras, daqueles que fazem saltar como pipocas uma dúzia de mirones empoleirados em varandas.
Que prazer desconhecido este, de fazer baixar o nível para elevar a moral!

Espero que "a senhora" (??) tenha aprendido que eu tenho tomates e que, de uma próxima vez, não hesitarei em temperar a salada de outra forma.

5 comentários:

JJSTEVE disse...

se fosses descomprometido podia-te sempre dizer : come as duas, como não és, tens de ter paciência e aturar essa especie em vias de extinção.

cumprimentos

João Paulo Cardoso disse...

Caro jjsteve:

Mesmo que fosse descomprometido, teria que passar fome.

Estas "senhoras", não são bem a Angelina Jolie e a Charlize Theron numa piscina cheia de patinhos de borracha...

São mais do género Odete Santos e Madame Min. E assim sendo...
Passo.

Venha a esta casa de petiscos sempre que quiser.

Um abraço.

Bombeira disse...

Oooohh! Para quê baixar o nível colocando a Odete Santos no meio desse enredo? Mas agora que descobriste esse prazer desconhecido (também desconhecia que fosses capaz...), outras portas se abrirão... Parabéns! Já agora: o problema ficou resolvido de vez e ficou tudo esclarecido?

Anónimo disse...

Isso vai lindo. Também quem manda meter-se com meninas com o estrogénio a lutar contra a testoterona, para ver quem domina.

Já agora, quanto ao post anterior: a barba não dá qualquer conotação de macho ao portador.

João Paulo Cardoso disse...

Bombeira: Pensei que responder a um comentário sugerindo uma linda cena de amor entre essa grande senhora do PC e uma deliciosa figura do imaginário Disney, fosse "elevar o nível"...

... mas na sua opinião referir Odete Santos é "baixar o nível".

Fico esclarecido e com uma boa ideia para um próximo post.

Seja sempre bem-vinda a este quartel alternativo.


Serrano: Tem toda a razão sobre isso das pilosidades faciais. A experiência que granjeou nessa temática não pode ser desprezada.

A isso juntei a figura patética do Diogo Amaral na "Floricoisa" e zap, zap! Era uma vez uma barba...

Seja sempre bem vindo a esta barbearia.
Ah, é verdade: Não tenho conseguido comentar no seu blog, por dificuldades técnicas.