04 maio 2007

Royal

Post nº 94

Domingo é dia de mulheres.
Começa logo pela manhã quando, depois de a deixar respirar, conseguir trocar umas palavras com a vencedora da 18ª Meia Maratona Internacional de Setúbal. Sim, porque entrevistar o vencedor da prova masculina, sendo ele presumivelmente queniano, etíope ou zambiano, deve ser bem mais complicado.

À tarde, espero estar com a minha menina, o amor da minha vida e, se fosse escrever sobre ela, nunca mais parava. É linda e inteligente. E eu gosto cada vez mais de mulheres assim, como explico abaixo.

À noite, tenho que assinalar de alguma forma o Dia da Mãe. Um beijo conta?

E ainda mais à noite, gostava de ter uma boa notícia vinda de França. A vitória de Ségolène Royal nas presidenciais francesas. Sei que é quase impossível, a avaliar pelas últimas sondagens, mais je rêve.

Madame Royal é o mais recente exemplo de mulheres que "fazem a minha cabeça", como dizem no Brasil. Bonita e inteligente. E socialista já agora. Sou um homem de esquerda e gosto que uma mulher tenha os mesmos valores.

Gostava que Ségo ganhasse e imagino-a a aturar o anormal presidente dos Estados Unidos, nomeadamente em relação ao seu último devaneio de, a breve trecho, invadir o Irão.
- Madame Royal, posso contar consigo para invadir o Irão?
- Pas de tout, Monsieur Bush, pas de tout!!

Ségolène Royal, 53 anos.
Não assim há tanto tempo, na feira de Maio do Pinhal Novo, andava muito no carrocel Royal e sei que dá para pôr um gajo tonto.

E já repararam como é sexy a política em francês?

14 comentários:

FL disse...

Eu até fazia um comentário inteligente e parecia bem... mas não estou para aí virada. Estou mais virada para o Sul. Mas concordo... Mulheres ao poder!!! Se forem giras, então é já!
Ou não? Não era isso?
Porra, tenho o Tico e o Teco avariados. Deve ter sido o vento em Espanha. Ou então um bacano que se decidiu finalmente a tratar-me por TU!!!!
É muito à frente;)
Bom fim de semana:)

Miosotis disse...

Olá, boa tarde!
Oh meu menino, com que então és assim.....lá nos comentários que deixas és todo mesuras e simpatias, aqui "descascas pessegueiro"!
Mantém-te firme homem!!!
E ainda me hás-de explicar como é que se faz poesia de "bits floreados"....
Enfim, quanto ao prémio se não o querias não aceitavas...e depois eu é que tenho "indisfarçada vaidade!"
Mas depois também não me venhas dizer que não dás que pensar quando misturas política francesa com gajas boas que te põe a cabeça à roda e carroceis de feira.
Next.....
Resto de bom fim de semana
Beijos

P.S.- E obrigada pela dupla promoção....
- Amiga
- Tratares-me por tu

Anónimo disse...

Come to think of it, there are a few thoughts (not mine) that do cross people's minds when they think about those sexy politicians:

Sex is like pringles...once you pop you just cant stop ;)

3 words to ruin a guys ego... is it in?

Sex is like snow...you never know how many inches you'll get or how long it will stay!

Virgins are great, sluts are bad, come with me and ill drive you mad ;)

Roses are red, boggies are green, i like your legs and whats in between

KiDs In ThE bAcKsEaT dOnT cAuSe AcCiDeNtS...AcCiDeNtS iN tHe BaCk SeAt CaUsE KiDs ;)

Virginity Is Like A Balloon 1 Prike And Its Gone

Life is like oral sex....one slip of the tongue and ur in the shit

Sex is like Mc Donalds ........... I`m Loving it

Don't do it behind the garden gate love is blind but the neighbours ain't!

The big difference between sex for money and sex for free is that sex for money costs less

Kids in back seats cause accidents, accidents in backseats cause kids

We spend nine months trying to get out, and the rest of our lives trying to get back in

There is no such thing as a bisexual... just greedy people

TheYouKnowWho

N.M disse...

Até gostava que a Segolene ganhasse,era fixe ver mais uma mulher a comandar mais uma nação importante do mundo!!1

João Paulo Cardoso disse...

Flora, n.m., Miosotis e IKnowWho:

Pessoal, pessoal, Calma!

De sexista só tenho as piadas (e bastante fraquinhas)!

Ségoléne, acabada de perder as eleições em França, é bonita sim, mas reforço uma das ideias base desse post: Gosto cada vez mais de mulheres inteligentes.

Mas também sou sincero. Não trocava a Odete Santos pela Soraia Chaves. Mas trocava a Soraia Chaves pela Ségolène.

Fiquem todos bem e perdoem-me qualquer coisinha.

FL disse...

Estás perdoado.
A Ségoléne perdeu e agora anda tudo à chapada em Paris e arredores!
Vai por mim, mulheres inteligentes são um perigo. Ui, ui.

João Paulo Cardoso disse...

Flora:
Mulheres inteligentes mas perigosas?
Ummm... também parece uma variante interessante.

ana vidal disse...

Amigo, só um reparo: o carrocel de Pinhal Novo deixou-te tonto mas também mais ignorante. Diz-se (e escreve-se) "Pas du tout" e não "Pas de tout". Com ou sem Ségólene, não me parece que a língua francesa tenha mudado...
Fora isso, escreves muito bem em português. Pois é, não se pode ter tudo... Voilá!

João Paulo Cardoso disse...

Ana Vidal:

Grato pela sua visita.
Espero tê-la cá mais vezes.

Agradeço também a correcção ao meu pobre francês.

E, já agora, escreve-se (e diz-se)
"Ségolène" e não "Ségólene".

Voilá!

Mad disse...

Ana:
Imbrulha! Mal escrito e tudo.

João Paulo Cardoso disse...

mad:

Olha só, que legal!
Parece que é o primeiro comentário via Brasil!!

Seja então bem-vinda a este boteco e espero por mais visitas da sua parte.

Volte sempre.

João Paulo Cardoso disse...

Ana Vidal:

Respondi algo secamente ao seu comentário/correcção porque não gostei da parte "o carrocel de Pinhal Novo deixou-te tonto mas também mais ignorante".

Acho que o ignorante foi, para dizer o mínimo, deselegante.

Mas gostei da parte "fora isso, escreves muito bem em português".

Ainda gostei mais, depois de inteirar-me quem é a Ana Vidal.
Li a sua "Biografia Breve" e devo-lhe deferência.
Ao pé de si, sou um pardalito insano.

Foi - e espero que continue a ser - uma honra tê-la por cá.

AV disse...

Prontos, prontos! Quanta susceptibilidade...
Não amues comigo, não vale a pena. Era só uma graça, pelos vistos sem grande qualidade. É bem feito para mim, uma lição de humildade vem sempre a calhar. Mas, já que te dei a chance de me emendares também, acho que estamos quites, não?
Pela minha parte, só posso dizer: touchée!!
Não me deves deferência nenhuma, nem esse tratamento por você. Esse é o teu 2º golpe certeiro, a lembrar-me que ao pé de mim és de facto um pardalito (não necessariamente insano...), mas só porque tens um bom par de anos a menos do que eu. E vão duas estocadas, portanto, como resposta a um (quase) inocente reparo em francês, uma língua que deixou de ser um must com a minha geração. Como vês, sei perder. E repito que escreves muito bem em português.
Por isso vou voltar aqui, e espero que retribuas a visita na Porta do Vento. Para continuarmos no idioma da tua amiga Ségo (já não arrisco o segundo assento, como vês), considera o meu blog um "réchossé" às tuas ordens. Voilá!

Mad disse...

Agora que já acabou a briga com a minha família, deixe-me dizer-lhe que tem um gosto excelente para mulheres. Aquela da Soraya Chaves era a sério ou é só para impressionar?

(Olhe que não é só a Ana que é danada para a brincadeira!)

1 abraço.