12 abril 2007

Os Dias da Rádio

Post nº 77

Hoje acordei às seis e meia da manhã.
Esperem... vou traduzir para algarismos.
Hoje acordei às 06h30m.


Contingências várias levaram a que fosse para a rádio, pouco depois desta hora.

Ah, sim, eu trabalho numa rádio.


Trata-se apenas de um part-time, para mal dos meus pecados.
É que a carteira está mais leve do que os dançarinos do "Dança Comigo"...


Pois bem... e o que é que eu faço na rádio?
Informação. Notícias, trânsito, até o tempo, se tiver tempo.


A rádio é a Rádio Jornal de Setúbal.
A sintonia? 88.6
Se um dia passarem por Setúbal pode ser que me ouçam...


E diz lá, João Paulo, as coisas têm corrido bem?
Ann... "faz-se o possível", parece-me uma resposta politicamente correcta, incapaz de causar celeuma.


Mas eu queria sublinhar isto:

Há quem se levante de madrugada para trabalhar, o que acho deveras obsceno, pornográfico.

Outros deitam-se tarde, depois de mostrar as notas do curso de engenharia na televisão, em pleno horário nobre, o que acho... ann... ridículo.


E assim vai a vida.

4 comentários:

FL disse...

Já diz o povo, levantar cedo...
E bola para frente que atrás vem gente.
Essa coisa do canudo do nosso (salvo seja) 1º é uma falsa questão, digo eu. Tanta coisa importante para resolver e discute-se se o senhor é, ou não, engenheiro. Já se sabe que é incompetente e para isso ainda não é preciso diploma. Ou é?

N.M disse...

Levantar ás 06:30 é duro!!!Espero que faças com que as pessoas tenham um bom acordar..lolol
bom trabalho radiofonico!

João Paulo Cardoso disse...

fl:

Minha cara amiga:

Por acaso não acho o sr. Engenheiro incompetente. É do melhor que nós temos.

Veja só o leque de altrnativas: Marques Mendes, paulo Portas ou Ribeiro e Castro, Louçã e Jerónimo de Sousa.
Portanto, como D. Sebastião ainda anda perdido no nevoeiro, mais vale o Sócrates.

Além do mais, o que está dar são homens maduros de cabelo grisalho, como George Clooney e José Mourinho.

Pelo menos é o que diz em algumas revistas femininas que vou surripiando às amigas...

Volte sempre.

João Paulo Cardoso disse...

n.m:

Meu caro, se as pessoas dependerem de mim para ter um bom acordar, mais vale ficarem na cama.

De manhã, sou mais mal-disposto do que os intestinos do Pinto da Costa!