07 março 2007

Mulher



DEDICADO A TODAS AS MULHERES
(ou só à mais especial delas todas)




Que nenhuma estrela queime o teu perfil
Que nenhum deus se lembre do teu nome
Que nem o vento passe onde tu passas.



Para ti criarei um dia puro
Livre como o vento e repetido

Como o florir das ondas ordenadas.


(Sophia de Mello Breyner Andresen)

3 comentários:

Miosotis disse...

Olá!
Passei por aqui e gostei do que li!
Parabéns e continua...e já agora, se não te importares, voltarei para ler mais novidades.
Até breve.

João Paulo Cardoso disse...

miosotis:

Bem-vinda seja então a esta casa de petiscos. Aqui serve-se um pouco de tudo e para todos um pouco.

Fico à espera de mais visitas e mais comentários seus.
E traga os amigos!

Miosotis disse...

Olá de novo...
Engana-se!
Não escrevo só em datas "festivas"....tenho andado afastada por força de circunstâncias mas....voltei!
E em força!
Obrigada pela visita e pelo comentário.
Volte sempre.
Até breve