21 abril 2008

Sexy Singers dos Anos 80 # 14 - Kate Bush

O Eldorado - Edição nº 226

E pronto.
Como tudo o que é bom acaba depressa, despedem-se hoje as sexy singers dos eighties.
Foram 14 edições cheias de curvas memórias sobre curvilíneas cantoras, telediscos com cores gastas pelo tempo e melodias que trauteávamos até à náusea.
No final do post tem um marcador que lhe dá acesso a todas as meninas - Madonna, Samantha Fox, Kim Wilde, Sabrina, Kylie Minogue, entre outras - que passaram por aqui.
Modernices.
Termino com a Kate Bush, porque esta senhora é tida por muitos, como uma das mamãs dos chamados telediscos. E foi também uma das primeiras a perceber que uma voz pop casa lindamente com uma roupagem sexy. Um casamento que, no seu caso, alcançou o zénite com o excelente, a todos os níveis, "Babooshka" de 1980.
Mas vamos primeiro falar da única Bush que valeria a pena conhecer.

Sobre a Kate Bush - Esta britânica, espécie de "candle in the wind"da pop mundial, completa em Julho a sua primeira metade de século. São só os primeiros 50 anos porque mulheres assim, etéreas, eternas se tornam e, ainda ontem, passou por mim o fantasma de Inês de Castro só para o confirmar.
Vir aqui contar o fascinante percurso de Kate Bush, desde que foi ajudada por David Gilmour dos Pink Floyd até ao estrelato, é empreitada quase ao nível da construção das pirâmides do Egipto ou de encontrar um líder para o PSD, por isso recomendo que coloquem no tacho do Google as palavras "Kate Bush", mexam muito bem e sirvam a vosso gosto.
Mas para que percebam que estamos aqui a falar de alguém extremamente singular aqui fica este parágrafo retirado da Wikipédia: "
Uma retirada lenta e constante da vida pública começou, enquanto focou-se em produzir seu próprio trabalho em estilo músical personalissimo, empenhando-se de forma perfeccionista e penosa para fazer o som que desejava, e isso a deixou escondida no estúdio por períodos longos(...) Surgiram uma série de boatos (...) de que ela havia engordado demais ou até mesmo ficado louca. Então ela reaparecia brevemente, magra, bela e aparentemente muito bem, antes de voltar ao estúdio uma vez mais."
E a última vez que reapareceu foi em 2005 com o álbum"Aerial"...

Sobre o Vídeo - Deixei a Kate e este vídeo para o fim porque é um dos meus favoritos.
Quando o revi há quatro ou cinco anos, numa velha cassete de vídeo, entre outros velhos telediscos gravados no VH1, constatei que, em determinado momento da sua carreira, Kate Bush não foi "apenas" a excêntrica performer britânica dona de uma bela voz de espírito atormentado.
Logo ao primeiro olhar descortina-se por baixo das cortinas (um véu, neste caso) uma absolutamente curvilínea Kate Bush, então com pouco mais de 20 belos aninhos.
Mas o melhor está guardado para daí a pouco: Após os primeiros 57 segundos de preliminares com um violoncelo, Bush aparece vestida de guerreira da Idade Média com atributos muito acima da média e difícil será um homem não empunhar uma espada quando a vê assim.
Ah! Estas adoráveis Sexy Singers do Anos 80!

2 comentários:

Craig Kellem disse...

Hi, Mr. Cardoso,

I suppose you've been contacted by my partner Orson Clydesdale.
I fact, I'm the person you should contact.
Here's my e-mail: craig.kellem@valley.net
and dont hesitate to visit my website in http://www.hollywoodscript.com/
I'm sure you're interested.
Just contact me through the e-mail above in order to send me some script samples.
You may be wondering how I knew about you.
My acessors in Portugal just indexed you to me.

Best Regards,

Craig Kellem.

João Paulo Cardoso disse...

E eles insistem...