11 dezembro 2007

"FAXINAS"

O Eldorado - Edição nº 191

Longe, muito longe dos fascínios imperiais de Goa, esta é a novela da vida real.
Passada na Madragoa, aqui está, em rigoroso exclusivo...

"FAXINAS"
Entre a esfregona e a vassoura, ela prefere os dois


Episódio 107
Margarida Rachid está compenetrada no seu trabalho, lavando a calçada frente à seguradora do primo da sua enteada Raisa Mirpurih. A sua vida é trabalhar de sol a sol e só à noite tem tempo de fritar umas chamuças para o seu Fahjur, o badalhoco do bairro que se tornou seu esposo no tempo em que a Manuela Moura Guedes ainda parecia uma pessoa.
Margarida Rachid ganha 350 euros a recibos verdes e detesta Sócrates a quem repetidamente chama "um chapati (pão indiano) sem sal".

Tudo o que ela quer por hoje, é acabar de lavar aquelas pedras colocadas geometricamente por um punhado de colonialistas calceteiros e ir para casa, até porque o Domestos já avermelhou os seus olhos e não tardarão a confundi-la com a Amy Winehouse...

E com tudo isto já são 2oh32m na Madragoa e, infelizmente para Margarida Rachid, um bando de fedelhos aproxima-se para patinhar a calçada...


- Olhá monhé!!! Monhé! Monhé!!


- "Qué frô? Qué frô?" Ah! Ah! Ah!


- Monhé, cheiras a chulé, não é? Ah! ah! Ah!


Margarida Rachid chora mas não é dos insultos, porque a eles já está habituada.
É do raio da lixívia que dá cabo da vista, mas não lhe tolda os movimentos.
Depressa patinha a calçada acabada de lavar e corre atrás dos gaiatos como se eles fossem pombos esfaimados a quem urge espantar...


- Rua, gaiatos de um cabrão! Vão chamar nomes à puta da vossa mãe!!
O primeiro que eu apanhar, leva com a esfregona pelo cu acima e garanto que não começo pelo cabo!!

Não é bonito, muito menos educado, concordo.
Mas esta é a realidade, bem longe dos fascínios imperiais de Goa e dos indianos que afinal são actores portugueses após várias sessões de solário.
Aqui as coisas são como são, sem glamour e com palavrão.

Porque, caso não tenham reparado, esta é

"Faxinas"
Entre a esfregona e a vassoura, ela prefere os dois

8 comentários:

FL disse...

Ora, ora... O teu painel de comentadores foi de férias?
Toma lá um comentáriozinho para não ficares triste. E é Natal e tudo.

Pode não ser grande coisa, mas é o que se arranja e é de boa vondade!

Acho que terias mais sucesso a escrever novelas que os tipos que escrevem os Deixa-me Amar, Vingança, Ilha dos Amores e afins. Eu essas não vejo e as tuas via de certeza:-)

Beijocas

JP disse...

Flora:
Por acaso estava um tudo nada deprimido com a falta de comentários.

O texto até está engraçadito, não sei o que se passa.
Acho que passei de moda.

Quanto a novos posts, a falta deles também não ajuda, mas falta-me o tempo e tenho compras para fazer, como o Natal obriga.

Beijos.

Visão Caleidoscópica disse...

Olá, olá!!!
Cá estou eu de volta, eh...eh...
Ops...parece que perdi festa por aqui!
Oh pá, podias ter avisado por sms, porque este pc, não lhe tocava há 2 semanas.
Bom, paciência.
Parabéns atrasados.
Sei que sentiste imeeeenso a minha falta mas...troquei-te por livros, cadernos e manuais. De tal forma que até adormecia em cima deles!
(Eh pá, isto não era para dizer!)
A tua historieta está gira, mas não posso dizer mais nada. Penso que se refere à nova novela da noite mas não a vejo,só ouvi comentários acerca do assunto.
Sim porque isto de arrancar 17s e 18s requer marranço e não novelas.
:)
Mas agora vou vingar-me. Estou de férias!!!
Deixo-te um grande jinho e votos de um Feliz Natal.
Até mais....

PS: E já que andas numa de compras, não te esqueças do meu presentinho eh...eh...

paulo cristo disse...

tambem gostei so que nao vinha aqui ha mt tempo

um abraço e temos q combinar aí um meeting um dia destes, incluindo o outro dos tres estarolas

JP disse...

Maria:
Trocar a leitura deste blog pelos estudos é a coisa mais sensata que li nos últimos tempos.

Beijos.

JP disse...

Paulo Cristo:
Agora que estavas a convalescer a todo o vapor, queres reunir "os três estarolas"?
Genial!!

Mais arriscado do que isso, só um passeio pela noite do Porto, gritando "Ó Pinto da Costa, vai levar no ..."

Um abraço.

av disse...

Hilariante, como sempre! Já tinha saudades dos teus textos e quase que não vinha aqui ao Eldorado desde que a Manuela Moura Guedes se parecia com uma pessoa. Estupidez minha, claro.
Beijos
ana

av disse...

E Bom Natal!!